fbpx

Dieta ou Reeducação Alimentar?

ATITUDE SAUDÁVEL 17 de julho de 2019 Por Paulo Bragança

Apesar de serem muito parecidos e muitas pessoas confundirem os conceitos de dietas e reeducação alimentar, elas possuem diferenças importantes. Percebo que essa é a dúvida da maioria dos meus seguidores e leitores, então chamei meu nutricionista Leandro Sousa* para tentarmos tirar todas as suas dúvidas aqui na coluna e também lá no meu IGTV.

Eu possuía bastante dificuldade para entender esses termos e saber qual seria a melhor opção para mim, por isso busquei a opinião profissional do nutri Leandro Sousa sobre essas duas opções e qual é o melhor procedimento para melhorar a minha alimentação. Continue lendo que vou compartilhar tudo aqui com vocês!

Paulo Bragança e o nutri Leandro Sousa (Foto: Jullyan Garcia)

Um dos principais aspectos que diferencia a reeducação alimentar da dieta é o tempo. Enquanto a reeducação é mantida a longo prazo e regulada aos poucos, as dietas prometem efeitos a curto prazo em um conjunto de hábitos alimentares restritos e que podem ser saudáveis ou não, como explica o nutricionista Leandro:

“A dieta é um regime prescrito com restrição total ou parcial de certos alimentos ou grupo de alimentos, e podem ser utilizados por exemplo em pré ou pós-operatórios. Já a reeducação alimentar é o processo de conscientização e mudança de hábitos alimentares de forma gradativa, entendendo onde estão os erros e o que é necessário alterar para poder prevenir, recuperar ou promover a saúde”.

(Foto: Jullyan Garcia)

Todas as dietas tem seus prós e contras. O regime ideal precisa dar uma sensação de bem estar, energia e leveza, quando se faz um regime drástico, o corpo fica em desequilíbrio e por mais que muitos se adaptem a esse tipo de dieta ninguém consegue permanecer com essa alimentação por muito tempo.

Nas dietas para perder peso, por exemplo, a pessoa fica inspirada a atingir uma meta em um determinado prazo, depois que atinge a meta, muitos voltam a engordar e recuperam tudo o que haviam perdido ou até mais. É o que chamamos de efeito sanfona! Quem aí já passou por isso? Eu já e muitas vezes!

(Foto: Jullyan Garcia)

Essa possibilidade não existe na reeducação alimentar e foi o que o Leandro me indicou a fazer.

Ele me explicou logo na primeira consulta que os resultados de uma reeducação alimentar não aparecem de imediato, e sim ao longo do tempo, e que os hábitos conquistados são levados para o resto da vida. O papel dela não é privar você de nenhum alimento, e sim ensinar a comer de forma correta. Isso exige persistência e dedicação até que se torne um hábito natural.

O processo consiste, basicamente, em entender quais alimentos fazem bem para o seu corpo, quais não são tão positivos assim e como encaixá-los na rotina de forma correta.

Quer ter um estilo de vida mais saudável e saber mais sobre alimentação? Então assiste agora o bate papo que eu tive com o Leandro Sousa sobre as dificuldades de manter uma alimentação saudável, ele ainda deu dicas incríveis e está tudo no meu IGTV!

Aproveita, me segue nas redes sociais @paulodivulgador e me acompanhe na busca por nesse novo estilo de vida mais saudável! Ah.. Deixa um comentário no final contando como essa matéria te ajudou! #AtitudeSaudável

* Leandro Sousa (CRN 25215) é formado em Nutrição pela Universidade Estácio de Sá e atua em Fortaleza/CE.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Paulo Bragança | O Divulgador (@paulodivulgador) em

Colaborou para esta publicação: Leandro Sousa e Thiciana Monteiro.

Publicidade