fbpx

Viver de arte é tema de série documental produzida pelo Porto Dragão

DIÁRIO DE BORDO 21 de maio de 2020 Por Thiciana Monteiro

(Foto: Reprodução)

Em um tempo desafiador, diante de um cenário de adversidades, seguimos isolados. Mas, isolados mesmo? A arte e a cultura ecoam para além de paredes ou limites geográficos. O tempo é de distanciamento, mas a vida é de encontros. E a arte vive nestes encontros e também desencontros, porque essa arte somos nós, no palco, na sala de casa, na tela, no batente, criando um instante de respiro em meio ao caos, seguindo juntos em tempos de assombros e desencantos, sem perder a capacidade coletiva de reinventar mundos.

Buscando realizar um recorte deste momento atual e pensar no futuro, o Porto Dragão, em parceria com a Prodança e o Levante – Teatro de Grupo, produziu o programa “Nós no Batente”, uma série documental de 10 episódios que mostra um panorama do viver de arte através de entrevistas com grupos do teatro e da dança do Ceará. Um convite a conhecer e pensar em quem está no batente do fazer artístico desta vida que segue, junto ou separado, nessa arte que pulsa diante de tudo e apesar de tudo.

“O programa “Nós no Batente” é uma iniciativa que dialoga com questões bem atuais”, pondera o Superintendente do Porto Dragão, João Wilson Damasceno. “A primeira é este desafio de viver de arte hoje, nesse Ceará contemporâneo. Uma arte que é resistente, que é uma potência de criação, mas enfrenta diversos desafios. Outra questão é esse contexto que estamos hoje, de distanciamento social, quando a própria produção do programa e a fala dos grupos dialogam com esse momento vivido. E coloca em foco também a necessidade de reinvenção do campo artístico e da gestão cultural, onde a produção de conteúdos digitais é uma pauta que veio para ficar”, completa.

De suas casas, de seus espaços, uma conversa atenta surge a cada episódio compartilhando os bastidores criativos e a perspectiva de agora e de futuro nas artes cênicas cearenses com os grupos de teatro Cia. Prisma de Artes, Pavilhão da Magnólia, Teatro Máquina, Grupo Bagaceira, Grupo Expressões Humanas e, na dança, com os grupos Laboral Crew,  N Infinito, Dança Libras, Cia. Dita e Coletivo Yabás.

A cada semana, um episódio será publicado no canal do Youtube do Porto Dragão, apresentando perspectivas, trajetórias, criatividade e impressões sobre os tempos vividos. Como inspira a trilha original assinada pelo músico cearense Daniel Medina, “apesar dos perigos, nós estamos vivos, nós ao vivo, inventando moda, nosso mote, nada muda”.

DESENVOLVIMENTO
O “Nós no Batente” foi filmado nas próprias casas dos participantes, seguindo as medidas preventivas de saúde, encerrando-se antes do início do isolamento social rígido. Com parceria da Agreste Audiovisual, tendo à frente o multiartista Gustavo Portela, responsável pela edição, montagem, som, fotografia e finalização, que acompanhou desde o início o idealização do projeto ao lado da equipe do Porto Dragão, responsável desde a ideia original ao desenvolvimento de roteiros, produção, logística e comunicação.

ACESSIBILIDADE
Para a estréia deste novo programa, os episódios contarão com a janela de intérpretes de LIBRAS, áudio-descrição, além da opção de legendas disponibilizada no próprio Youtube, reforçando o papel enquanto instituição cultural de democratizar a arte e cultura.

No final de 2019, o Porto Dragão recebeu a segunda edição do Seminário Cultura do Acesso promovido pela Secult, que durante 03 dias de intensas trocas e debates, destacou a urgência de tratarmos a acessibilidade uma pauta fixa seja para conteúdos, equipamentos ou gestões, o que sensibilizou ainda mais a questão para a instituição.

EPISÓDIO DE ESTRÉIA “NÓS NO BATENTE” – CIA PRISMA DE ARTES
A estréia do programa acontece nesta quarta-feira (20/5) às 19h30 no canal do Youtube do Porto Dragão com o episódio que traz o grupo Cia. Prisma de Artes como destaque.

Existente desde 1985, a Cia. Prisma de Artes lidera diversas iniciativas culturais na comunidade do Dias Macedo e traz em seu portfólio espetáculos como “Festa na Floresta Encantada”, “Brincar é Arte Sonhar faz Parte”, “O Conquistador de Planetas”, ” Mãe Hilda”, “A Pena e a Lei”, “A Menina e o Sino”, “Luto”, “As Aventuras de João Sortudo”, “Não Verás País Nenhum”, “Urubus”, “Putz, a menina que buscava o sol” e seu mais recente trabalho “A Criança Mais Velha do Mundo”. Realiza ainda projetos de democratização do teatro, como o Festival Popular de Teatro de Fortaleza, realizado desde 2010, e de incentivo à leitura com a Caravana da Leitura e do Autor Cearense desde 2013.

Os próximos episódios terão como destaque, em ordem de exibição: N Infinito, Pavilhão da Magnólia, Dança Libras, Teatro Máquina, Cia. Dita, Grupo Bagaceira, Coletivo Yabás, Grupo Expressões Humanas e Laboral Crew.

SOBRE O PORTO DRAGÃO
Investindo em uma produção de conteúdos própria, o “Nós no Batente” é o segundo programa idealizado e realizado pelo Porto Dragão, sendo o primeiro o Porto Dragão Sessions (2018), recentemente disponibilizado na íntegra no Youtube da instituição, que mostra um panorama da música cearense atual.

O Porto Dragão é uma instituição cultural da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, gerido pelo Instituto Dragão do Mar e suas ações integram o Hub Cultural do Ceará, que configura-se como um conjunto de ações de articulação, aceleração e impulsionamento de projetos artísticos-culturais, potencializando a profissionalização, produção e circulação de trabalhos, artistas e trabalhadores da cultura cearense.

SOBRE A PRO-DANÇA:
A Prodança – Associação de Bailarinos, Coreógrafos e Professores de Dança do Ceará é é uma entidade sem fins lucrativos que representa os profissionais da dança no Estado que tem como objetivos ampliar o espaço de atuação da dança e estimular o pensamento reflexivo sobre o seu fazer artístico. Há 17 anos, atua ativamente como instância representativa da categoria de dança no Ceará perante a comunidade artística e a sociedade em geral, contribuindo para o desenvolvimento da dança nos âmbitos educativo, social, político e cultural, através da promoção de oficinas e eventos que estimulam a reflexão crítica sobre o contexto atual da dança, não só local como também internacional, objetivando construir coletivamente a cena da dança na capital e nas demais cidades do estado.

SOBRE O LEVANTE – TEATRO DE GRUPO
Uma união pela linguagem e vontade de fazer mais. O Levante – Teatro de Grupo “está” unido nesta rede desde Dezembro de 2019 com cinco grupos de teatro cearenses, relevantes e consolidados, que se mobilizaram para mobilizar: decidiram propor ações nesta parceria, buscando novos espaços e formatos junto a equipamentos culturais da cidade. Em novo momento, os grupos de teatro se conectam e constroem com o Porto Dragão e a Prodança um recorte do viver de arte em tempo de isolamento social.

SERVIÇO:

Programa “Nós no batente” com Cia. Primas de Artes
Estréia em 20/5, quarta-feira, 19h30
Canal do Porto Dragão no Youtube
Youtube.com/PortoDragao
@portodragaoce (Instagram)

Publicidade
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x