fbpx

Circuito #7: Igualdade e representatividade através da música

ZUADA NOSSA 14 de março de 2019 Por Monique Souza

Formado por produtores culturais de Fortaleza, o Circuito é uma iniciativa que agrega bandas e vários outros setores da cadeia produtiva do mundo da música, visando o fortalecimento do mercado, através da experiência desses profissionais, bastante atuantes na cena, de forma totalmente independente. Atualmente, o Circuito é composto por Augusto Oliveira (Nuvem Produções), Reinaldo Ferreira (Nuvem Produções e banda Old Books Room), Dado Pinheiro (DJ e produtor – Noise 3d e LadoD), Monique Souza (produtora cultura e assessora de imprensa) e Álvaro Abreu (produtor cultural e bandas Remate, Berg Menezes e Glauco King).

O projeto já realizou eventos em espaços, públicos e privados, sem qualquer tipo de patrocínio e buscando sempre colaboração das bandas seja na divulgação, na formação de público ou na montagem da estrutura do som a ser utilizado em seus eventos. Além dos shows, o Circuito também o foco na capacitação através de workshops, oficinas e bate-papos, onde repassam seus conhecimentos, visando fomentar a cultura musical cearense e profissionalizar músicos e quem estiver interessado.

No próximo sábado, 16 de março, o circuito realizará mais uma edição e desta vez contará com o apoio da Associação dos Moradores do Novo Maracanaú e do Coletivo Girls To The Front em nossa edição de número 7 e em homenagem a força das mulheres e sua luta por igualdade e representatividade.

As ‘minas’ vão chegar com tudo! Então, é melhor sair da frente. Para construir essa vibe irada, contaremos com grandes bandas com representatividade feminina.

São elas:

Afronta
Apneia

Terra Mórfica

Fuck Namaste

Vamos nessa! Entrada GRATUITA. Só chegar!

SERVIÇO:

Circuito #7 – com Afronta, Apneia, Terra Mórfica e Fuck Namaste

Local: Associação Dos Moradores Do Conjunto Novo Maracanaú (Rua 10, 237, Conjunto Novo Maracanaú)

Entrada: Gratuita

Horário: 17h

Publicidade